Alexandre Roriz é o autor das mais recentes rubricas da Rádio Santiago

«Poetas em Português» e «Negócios em Tecnologia» são as duas rubricas a que o vimaranense Alexandre Roriz dá alma e voz. A primeira vai para a antena mensalmente e passa na primeira sexta-feira de cada mês pelas 10h30 no programa «Manhãs Vivas», e a segunda é semanal e passa na Santiago todas as segundas-feiras à mesma hora na sua rádio de todos os dias.
Vamos então conhecer este vimaranense fervoroso que agora é um cidadão do mundo. Nasceu na Rua Francisco Agra em Santa Luzia e frequentou a escola primária e o 2º ciclo naquela zona. Concluiu o ensino secundário na Francisco de Holanda e seguiu para a Universidade do Minho onde se formou em Matemática e Ciências da Computação com mestrado integrado. Ainda fez o Curso de Gestão Económico-Financeira no Instituto Empresarial de 

Entrou para a escola com cinco anos, o que fez com que concluísse os estudos mais cedo do que o normal. Um excelente aluno que também se tornou num excelente profissional. Actualmente trabalha para a Avid, uma empresa sediada nos Estados Unidos da América, e actua parte do tempo remotamente a partir de Portugal, num fuso horário que beneficia a execução do trabalho com as diferentes equipas da Avid em todo o mundo.

Tem 50 anos. Viveu em Guimarães até aos 16 e desde então viajou muito. Assentou arraiais em Braga, por ser a terra da esposa, mas isso não afecta o seu orgulho vimaranense. A sua avó paterna era uma das poucas que, na época dos anos 50 e 60, tinham a receita das famosas Tortas de Guimarães, um doce típico e regional apreciado por muitos. Alexandre contou que viu imensas vezes "a D. Amélia Castro, minha avó e que vivia perto da minha casa, a confeccionar aquele doce que era muito trabalhoso. Ela preparava-o com muito carinho em forno a lenha para distribuir pelas pastelarias da Cidade", recordou.

Conheça esta empolgante história na BIGGERmagazine de Junho!

 

Imprimir Email